Como assumi meus cachos!

Transição Capilar – Como superei e voltei aos cachos:

Olá gente linda, tudo bem? Sei que muitas pessoas, assim como eu, também foram ou ainda são reféns de alisamentos/relaxamentos que mudam a estrutura das madeixas! Voltar aos cachos não é uma tarefa fácil, precisamos de muita força de vontade e persistência, sem nos preocuparmos com comentários alheios, para passar pela transição capilar.

No vídeo abaixo conto a história dos meus cabelos, tudo o que eles passaram desde quando eu era criança! Espero que gostem e que possa servir de inspiração para quem deseja voltar a ter cachos lindos!!!
 
Quem já conseguiu voltar ao cachos? Comentem!
 
Beijinhos, se cuidem!
Comente com Facebook

Mais:

8 Comentários

  1. Olá! Acabei de ver a história do seu cabelo! Parece bem menos drástica do que a minha, como alisava com guanidina e fazia progressiva, decidi largar tudo, mas como sabia aque iria demorar, fiz um alongamento natural e cortei o meu todinho!!!!

  2. Oi Gisele! Menina, vc passou por um sufoco terrível! O maior problema dessa história toda das cacheadas é que nós sofremos "bullying" desde criança até o meio da adolescência e ninguém falava sobre isso!

    O melhor jeito de vc melhorar o seu cabelo é cortar toda a parte com química e deixar os cachos livres, quando o meu cabelo estava crescendo e com química nas pontas cortei curto e adorei… fiquei um bom tempo com eles curtos – crescendo. Me adaptei muito facilmente e me senti muito feliz, de verdade. vc não quer participar do concurso sobre história dos cabelos no meu blog?

  3. Olá to adorando seu blog! Nós que temos cabelos cacheados passamos por essa mesma historia de querer alisar os cabelos e depois se arrependemos… meu cabelo era grande, e acabei com meus cachinhos fazendo escovas e pintando. chegou uma hora que ele não estava enrolando mais, cheguei a colocar aplique, fiquei um ano com aplique aí meu cabelo voltou a cachear, ai tirei o aplique que arrebentou meu cabelo bastante na hora de tira-lo, aí cortei o cabelo na altura do pescoço curto…nunca me imaginei com cabelo curto, mas aí ele foi desenvolvendo e está melhor do que era antes, todo cacheadinho só esta demorando pra crescer, mas nunca mais fiz escovas e chapinha só uso química pra relaxar a raiz e de vez enquanto uso uma coloração. Quando aceitamos nossa origem tudo fica melhor estou adorando essa fase dos meus cachos. adorei seu blog e continue dando dicas bjs

  4. Meu cabelo é cacheado desde pequena, lembro que andei olhando umas fotos e vi várias, em que estou de black, com faixas e tudo mais. A partir de que fui crescendo, quis experimentar o permanente, pra ficar com mais cachos, ficarem definidos, pois achava eles meio sem forma. Fiz, mas tinha pouca idade na época, e usava ele solto, pois precisei cortar, e mal conseguia prender. Alguns momentos, ele ficava meio jubinha, e isso antigamente pra uma criança, era motivo de chacota, claro. E hoje, ainda é, enfim… Muitos tiravam sarro de mim, riam e eu ficava magoada com isso. Então, depois que caiu, e se passaram muitos meses, optei por um relaxamento, pra deixá-lo mais baixo, puxado pro liso… ODIEI! Não era eu, ficava aquela coisa lambida, fajuta, montada… Não era eu, havia perdido minha identidade!
    Depois que caiu, resolvi deixá-lo novamente ao natural, e fui apenas aos salões, para lavar e fazer hidratações… E em 2011, foi quando resolvi torar tudo de uma vez, assumir o estilo black e voltar a sorrir!

    Até hoje estou assim, cacheada, linda, alto astral… E me amando a cada dia!

  5. eu também estou em transição a 2 anos e não está sendo fácil, a diferença de textura é bem complicada e igual a sua historia, eu não pretendo parar, pra mim o mais difícil é a ansiedade e com ajuda de pessoas iguais a vc, que estão me ajudando com dicas, eu vou conseguir, bjs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *