Minha PÉSSIMA Experiência na Praia de Guarujá/SP

Praia da Enseada - Guarujá

Oooi gente linda! Tudo bem? Quem me conhece sabe que eu AMO PRAIA, se pudesse iria para lá todo final de semana!!!

Eu moro na zona sul da cidade de São Paulo, relativamente perto do litoral sul do nosso estado, da minha casa até a praia dá em torno de 1 hora de viagem, pertinho né?!

No mês de janeiro é meu aniversário de casamento e, como sempre, tentamos fazer uma viagenzinha para comemorar a nossa data. Para este ano não queríamos gastar muito, então decidimos escolher um lugar perto e que fosse bacana, de modo que não gastássemos muito dinheiro e nem muito tempo na estrada.

Para onde ir

No final das contas escolhemos ir para o Guarujá, porque é perto e também por ter sido muito elogiada por muitas pessoas no passado, sim, lá (em tese) é um lugar de gente bacana/endinheirada, então imaginávamos que a praia seria mais tranquila, limpa e que todos os lugares ao redor seriam excelentes e de bom atendimento, só que não!

A Escolha do Hotel

Antes de tudo, pesquisamos vários hotéis na região, queríamos ficar perto da praia, pela comodidade mesmo. A maioria dos hotéis lá são MUITO caros. Acabamos encontrando o Hotel Ilhas da Grécia, cuja diária também não era nada em conta (principalmente no balcão + de R$1.400,00), mas eu queria um hotel com boas estruturas porque já tive problemas com baratas (aaaaargh) no passado em outra praia. Fizemos a reserva de 4 diárias pelo Hóteis.com, sem direito a cancelamento e devolução do dinheiro, até aí, tudo ok.

O Aluguel do Carro

Depois fomos alugar o nosso carro na Unidas do Aeroporto de Congonhas, meu marido foi até lá e, na hora de efetuar o pagamento, teve problemas com o NuBank já que, para a hospedagem do hotel, comprometeu o limite do cartão e o NuBank não permitiu o aumento do limite, nem do cartão dele e nem do meu… um saco! Além disso, a Unidas NÃO ACEITA pagamentos em débito e nem em cheque, só com cartão de crédito!!! Por fim, passamos o meu cartão do NuBank, o valor do aluguel + R$700,00 do “cheque calção” que seriam estornados depois da entrega do carro.

O Hotel 

O hotel é bonito, bem limpo, tem um excelente café da manhã e os funcionários são atenciosos e estavam dispostos a nos ajudar no que fosse preciso.

No primeiro dia, chegamos depois da meia-noite. Ao entrarmos no quarto de número 60 nos deparamos com um quarto simples e um ar condicionado antigo, muito barulhento, até aí tudo bem. Ligamos o ar, tomamos um banho e fomos dormir, imaginando que o ar condicionado demoraria ainda algum tempo para “fazer efeito” só que NÃO, ele não funcionava direito, estava no máximo e só ventilava. O quarto estava mega quente, ficava no andar superior, então, imaginem o calor que foi absorvido durante todo o dia. Para ajudar, no quarto ao lado havia um casal brigando, o cara xingava horrores, falava alto e batia alguns móveis, será que eu conseguir dormir???

Na segunda noite pedimos para nos trocarem de quarto. Nisso já era bem tarde também, quase meia-noite. Nos colocaram no quarto 15, ao lado da piscina, o ar condicionado funcionava bem, mas tinha um terrível cheiro de mofo por conta de um vazamento de água do ar condicionado que caía no lado de fora da janela. Passamos aquela noite lá.

Já na manhã no dia seguinte pedimos para nos trocarem de quarto e providenciaram o quarto 28, no andar superior com vista para a piscina. Esse sim estava com boas instalações, com exceção do cabo da NET que fazia um barulho bem ruim junto com o áudio da TV, mas como a nossa intenção não era ficar assistindo TV, nem reclamamos.

hotel ilhas da grécia guarujá

A Praia de Enseada| Guarujá

Eu estava muito feliz porque iria curtir uma praia.. ôh delícia! O dia estava quente, com sol e muito propício para uma praia. O hotel dispõe de serviço de cadeiras e guarda-sol para os clientes, há funcionários que instalam no local que você quiser (ponto positivo).

Processed with VSCO with c1 preset

Escolhemos nosso lugarzinho e ficamos lá curtindo o calorzinho e som do mar. A água do mar é super transparente, limpinha e muito gostosa! Curti bastante!!!

Mas aos poucos a tranquilidade foi indo embora, haviam pessoas fumando maconha próximos de nós (não que me preocupo com eles, mas eu NÃO SOU OBRIGADA  a sentir um cheiro desagradável desses, ainda mais onde eu estava). Surgiram pessoas com caixinhas de som ouvindo funk, o dia todo. Sim, eu não sou fã de funk proibidão!

Também haviam muitos ambulantes vendendo essas tais caixinhas de  som, todo o tempo eles passavam com diversas músicas diferentes e ficavam nos perguntando se queríamos comprar.

Me disseram que, quando um lugar tem muitos pombos, é porque esse lugar é sujo. E, de fato, a areia da praia era muito suja, cheia de plásticos, bitucas de cigarro, copos e garrafas descartáveis, restos de comida e afins. Que nojo!

Onde ficamos é bem próximo de um morro onde uma galera salta de paraglider. Achei bem legal e queria ir até lá para fazer umas fotos. Perguntamos a um vendedor ambulante se dava para subir lá de boas, mas ele nos informou que rolam muitos assaltos lá porque não tem para onde fugir. Então decidi fazer algumas fotos no “pé” desse morro, onde haviam umas pedras bonitas. Ao chegarmos lá nos deparamos com uma galera bem alternativa, usando drogas e olhando muito pra gente. Fizemos algumas fotos bem rápido e partimos dali.

Praia da Enseada Guarujá

Na praia tem as barraquinhas onde os meninos passam servindo a galera. A barraca da Cida era a melhor, mas os preços de todas as barracas eram bem altos. Porção de fritas R$45,00, porção de peixe R$65,00 e essas eram as porções mais em conta! As cervejas variavam de R$5 a R$10.

Os Restaurantes de Guarujá

Genteeee, fiquei CHOCADA com os preços e serviços!

No primeiro dia almoçamos no Restaurante Aquarela, bem de frente à praia e com um cardápio maravilhoso. Pedimos um prato que servia duas pessoas, com camarões grandes empanados e recheados com Catupiry. Mas para a minha surpresa havia um pelo no meu arroz (era grosso, parecia ser de barba ou um “pentelho”) ai que nojo! Reclamei e me trouxeram só mais dois camarões, eu não queria outro prato com arroz. Ao final das contas deixamos R$200,00 lá por essa péssima experiência.

comida com pêlo - restaurante acquarela guarujá

À noite fomos em um “barzinho” na mesma calçada do restaurante acima, cujas especialidades são linguiças recheadas com queijo, provamos um pouco e não gostamos. Pedimos uma porção de fritas e frango à passarinho. As porções até que estava gostosas, mas o molho da casa era bem ruim e o ketchup era puro amido com corante. Além disso, a estrutura da cozinha e do banheiro eram tão terríveis que se a ANVISA passasse por lá, fechava o estabelecimento na hora! Deixamos R$100,00.

No outro dia almoçamos em um restaurante de esquina, que atende o Hotel Jequitibá. Restaurante super simples, mas com higiene duvidosa, os preços eram mais justos e comemos uma porção de tilápia muito gostosa! Deixamos R$70,00.

Na outra noite jantamos na pizzaria Euclides, um lugar excelente, cheio de gente, com um bom atendimento e pizzas diferenciadas. Pedimos 1 pizza com três sabores, R$67,00.

Pizzaria Alcides Guarujá

Pizzaria Alcides Guarujá I

No dia seguinte comemos uma porção na praia durante o dia e, à noite, decidimos ir no restaurante á la carte Euclides, que fica ao lado da pizzaria. Imaginávamos que os valores deveriam ser semelhantes aos da pizzaria, mas foi um ledo engano. Os pratos individuais custavam mais de R$100,00. Um dos itens do cardápio que chamou a minha atenção foi Camarão na Moranga que custava R$240,00  😯 para duas pessoas! Entramos lá? Claro que Não!

Fomos para um centro de exposições que mais parecia uma praça de alimentação com brinquedos infláveis para as crianças. Ficava anexo ao point dos ricos: Resort Casa Grande Hotel.

Os preços eram bem bons, pedimos um hambúrguer no único quiosque de lanches que tinha lá, mas para a minha surpresa, o molho do lanche veio premiado com um fio de cabelo! Reclamei e fizeram outro lanche pra mim. Deixamos R$45,00.

Será que eu fui premiada e não sabia??? 

No último dia decidimos comer uma porção no hotel antes de irmos embora, quando pedimos eles estavam limpando a fritadeira e iriam ficar por 1 hora e meia sem servir qualquer item frito. A única opção que tinha eram os pratos de lá que eram todos congelados. Não pedimos nada!

*Não adianta falarem que sou fresca, pelos e cabelos não fazem parte da comida, trazem bactérias e caracteriza falta de higiene no preparo dos alimentos.

Na hora de  fazer o checkout

Quando fomos fazer o checkout descobrimos que tínhamos que pagar uma taxa de serviço no valor de R$218,00  😯 . Que não foi informado à nós quando fizemos a reserva. Depois de tudo que passamos com os quartos, reclamamos e decidiram não nos cobrar essa taxa.

Devolvendo o carro

Quando devolvemos o carro, a Unidas demorou para fazer o estorno dos R$700,00, tivemos que brigar com eles para nos informarem o número da solicitação. Para ajudar, o sistema do NuBank que diz que os pagamentos e estornos demoram até 3 dias úteis, demorou mais de 5 dias para ser feito! 

Enfim, o que era para ter sido uma comemoração de bodas de flores, foi uma saga cheia de espinhos!  😡

Guarujá, para mim, se tornou um lugar caríssimo, de péssimo atendimento e sujo!

Quando eu voltei pra casa, algumas pessoas me disseram que lá tem muitos arrastões. Meu Deus!!!

Querem saber se eu volto pra lá? Não pretendo e nem indico!

O que foi bacana nessa viagem: a companhia do meu marido ♥, as belas fotos que fizemos e a água do mar!

amor em Guarujá

Sinceramente, acho que deveríamos ter ido para Santos! Mas a vida é assim né? Vivendo e aprendendo!

Vocês já foram para lá ou passaram por algo parecido? Comentem!!!

Beijinhos e se cuidem,

Fernanda Ferreira – Blog Dicas da Fê

Comente com Facebook

Mais:

4 Comentários

  1. Poxa Fe, que coisa chata. Eu frequento o Guarujá desde pequena e adoro mas a Pitangueiras, não gosto da Enseada.
    Se algum dia vc resolver voltar eu vou te dar umas dicas 😉

  2. Putz Fe, com o perdão da palavra, que merda!
    As vezes, compensa mais andar um pouco e ir pra outro canto, com o q VC gastou lá, teria tido experiências muito melhores em praias do litoral norte.. O Guarujá virou point, mas de “rico pobre” sabe?? Gente q tem o rei na barriga mas não sabe se portar. No litoral sul, tem Peruíbe, q ate prefiro, e VC tbn iria gastar menos, só iria dirigir mais mesmo. Se precisar de indicações de lugares no litoral norte, ando indo muito para Caraguá..

  3. Fê, eu já fui umas 4x pro Guarujá, mas fiquei em Guaiuba 3x e 1 em Pitangueiras. Quando fiquei em Guaiuba, íamos de ônibus até Pitangueiras, passávamos o dia lá e depois retornávamos. Eu sou apaixonada pela Guarujá, é um dos meus destinos favoritos. Sobre arrastão, eu já vi 2 pessoas sendo assaltadas e quando eu fui essa questão de som e maconha era bem raro. No final do ano passado e começo desse, fui pra Ubatuba, e parece que passou um filme na minha cabeça quando li seu post. Parecia que você estava descrevendo minha viagem. Som alto o tempo todo (funk) odeio!!! E muita maconha!!!! A tranquilidade de ouvir o barulho do mar e curtir aquela vibe positisiva eu só consegui indo para a Praia do Prumirim e pra Praia Vermelhinha do Centro. Lá eu tive paz. Mas pra gente fixou ruim, pois estávamos hospedados na Praia Grande e tínhamos que andar bastante para chegar nas outras praias. Pode ser que era porque era final de ano e todo mundo decidiu ir pra praia. Já fui pra Ubatuba outras vezes, e era um pouco mais tranquilo. Tente ir numa época mais tranquila. Eu já fui pra Enseada, mas prefiro mil vezes Pitangueiras. Dê mais uma chance. Guarujá é tudo de bom!

  4. Oi Fê! Que triste sua experiência. Sempre vamos para o Guarujá e ficamos na Praia do Guaiúba, próxima a Praia do Tombo que só tem surfistas. Uma praia pequena, meio isolada sabe? Ela é ótima, linda, limpa e sem muita gente, porém é longe de tudo, você tem que andar um bom pedaço para chegar ao comércio que fica na Praia do Tombo, mas é ótima!

    Praia das Pitangueiras e Praia das Astúrias ( Astúrias não tem onda, parece uma piscina!) também são ótimas. A Praia do Tombo normalmente sempre tá imprópria pra banho devido as fortes ondas, por isso só tem surfistas, não recomendo, mas a praia é linda pras fotos.

    Só fomos 1x na Praia da Enseada e também não gostamos. Sempre ficamos entre Guaiúba e Tombo e ás vezes Pitangueiras e Astúrias. Na próxima vai pra Guaiúba, você e seu marido vão amar! Beijos, Ana.

Deixe uma resposta para Gi Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *