Preconceito ou brincadeira???

Olá gente linda, tudo bem? Alguém assistiu ao último programa Pânico na Band exibido em 2012? Eu não tenho muito costume de assistí-lo, mas por algum motivo, meu noivo colocou no canal e assisti junto. O programa, como sempre, faz coberturas de algumas festas e neste dia estavam acompanhando uma festa de fim de ano e entrevistaram os convidados e, dentre eles, havia uma moça com os cabelos cacheados, vejam o trecho da entrevista:
Será que as pessoas ainda têm dificuldade em aceitar o cabelo diferente de outras? Se você estivesse no lugar dessa moça, entenderia que isso é um tipo de preconceito ou entraria na brincadeira? 
Se a pessoa não alisa o próprio cabelo é porque ela gosta daquele estilo. As pessoas deveriam ter o mesmo estereotipo? É correto entender que existe um único padrão de cabelo?
Cada um tem a sua opinião, deixo aqui esses questionamentos. Faça um comentário sobre o assunto, é muito importante sabermos a opinião dos nossos leitores!
Comente com Facebook

Mais:

21 Comentários

  1. Oi Fernanda, eu não vejo como preconceito, do jeito que a repórter fala parece que criamos uma sociedade de cabelo liso, e a unica coisa que ela mais vê é alisamento, por isso acho que ela quis dizer, "um alisamento não?"…

    Se a gente parar pra pensar é mais ou menos isso mesmo, pra todo lugar que olha tem um cabelo chapado, alisado, e são poucas que acabam mantendo os cachos por opção, sem se render as progressivas.

    Beijos
    Lucy

  2. Eu acho que a frase dita pela moça tem dois sentido é pode ser interpretado como preconceituosa como não também, eu acho que foi sim preconceituosa vendo desde a hora que eles entrevistam o rapaz com os cabelos cacheados tambem,eu nem perco mais meu tempo assistindo a esse programa que na minha opinião as piadas são mal feitas e chegam a ser humilhante, mas tem quem goste fico triste com essa situação por que eu gosto de alguns que trabalham no panico.
    Eu alisei meu cabelo e me arrependo até o ultimo só que não tenho coragem de corta bem curtinho pra que os cachos voltem por que a situação dos cachos não são como era antes e viva a diversidade se todos fossemos iguais o mundo não teria graça.

  3. Oie Fe
    Primeiramente um feliz ano novo pra vc! amei o novo cabeçalho do blog vc é linda seus cachos ahazam e em 2013 'viva mais uma vez nossos cachos'

    As piadinhas do pânico são cheias de duplo sentido acho que não chega a ser preconceito e sim esse esteriótipo imposto pela 'sociedade do cabelo liso' assim como se você não é magra é feia, hoje em dia quem não segue a 'regra' acaba virando exceção.

    Como disse a Pri acima via a diversidade! O que falta em nossa sociedade é respeito com a individualidade de cada um

    Bjkas

    1. Oi Jackie!! Feliz Ano Novo pra vc tbm! Obrigada por gostar do novo cabeçalho… queria algo bem diferente!

      Realmente, as piadas do Pânico já estão bem sem graças mesmo, e talvez não seja um preconceito, acho que essa moça que falou isso, pense que todos devem ter o cabelo como o dela: liso e loiro!

      Enfim, não gostei nem um pouco disso, cada deve ter a sua personalidade e deixar o cabelo do jeito que quiser!!!

      Beijos

  4. Foi e não foi, não creio que tenha sido intenção deles dizer que o cabelo dela é feio ou não, foi uma brincadeira mal feita, como a maioria das brincadeiras deles…

  5. Ontem fui a uma festinha de criança e como tenho o cabelo curto e cacheado, resolvi fazer duas tranças nagô na lateral e deixar o resto solto, dei aquele jeitinho pra ficar cheinho (kkk) e fui.Quando cheguei na festa parecia q tinha acabado de chegar um zumbi ou monstro a festa toda ficou olhando pra mim, e o mais legal foi q eu adorei ser o centro das atenções, então não se incomode se alguém falar ou te olhar estranho por causa do seu cabelo , pois diamante faz inveja em caco de vidro.
    E viva os nossos cachos!!!!!

  6. POIS É …EM TERRA DE CHAPINHA QUEM TEM CACHOS É RAINHA….JA DIZIA O FACE…RS…MAS ENFIM…EU TB NOTEI ESSA ENTREVISTA ATÉ ASSISTI NO DIA… E ACHEI DE MUITO MAL GOSTO…INFELIZMENTE A BELEZA IMPOSTA PELA MIDIA ESTA IMPREGNADA NA CABEÇA DA MAIORIA….E QUEM SE IMPORTA….QUE VIVA OS CACHOS…

  7. Eu assisti e vi, eu acho essa que apresentou o quadro uma ridicula, sem personalidade e suuuuuper sem graça, por isso q ela só aparece no panico 2 vezes no ano e olha lá, pq ngm sabe quem é essa idiota. E pra chamar a atenção, quer machucar as pessoas, se ela quer tanto chamar atenção faz igual a Babi raspa a cabeça que é bem melhor, pq esse estilinho dela todo mundo já tem.

  8. Infelizmente a midia quer colocar um padrão único não só em relação ao cabelo né. Acho que foi uma brincadeira, assim como as outras que esse programa de tentativa de comedia (Pq sinceramente, é um programa insuportavel) quer fazer.

  9. Nunca assisto o programa, mas nao sei porque assisti logo nesse dia. Quando houve o comentario sobre o cabelo da garota fiquei indignada. É uma maneira de preconceito sim, qual o problema de nao ser igual a maioria das pessoas, de nao ter o cabelo alisado, temos que nos aceitar como realmente somos. Me senti mal pela garota, se eu estivesse no lugar dela nao aceitaria como brincadeira.

  10. Essa é a realidade de mulheres que nao podem usar cabelos cacheados e fazer umas escova pra variar um pouco…. temos essa maravilhosa variedade..
    Nossos cabelos ficam lindos cacheados, escovados, secos ou molhados, soltos ou presos, e podemos fazer uma infinidade de penteados. Essa é a inveja da mulher brasileira.

  11. Eu assistir nesse dia e mim sentir mal, uma menina linda dessa sendo posta pra trás por um ridículo que pega no cabelo dela dizendo que cabelinho, e a paniprostituta alisada, pintada e com mega hair , fazer aquele comentário infeliz, não vai passar daquilo! um pedacinho de carne, no programa , que não serve pra nada nem pra fazer piada!

  12. Na minha opinião…achei uma piada…
    è humor…eu vi este dia e não levei a sério…porque é uma piada…
    e achei meio engraçada…eu não levo a sério as piadas que o programa faz,pq eu sei que são escrotas.

  13. Talvez o excesso de químicas tenha corroído o cérebro da "panaquete", pois se ela acha que aquele cabelo dela é mais bonito do que o da moça entrevistada, só pode estar louca. Comentários como esse só denotam a mediocridade daqueles que não respeitam a diversidade e o direito de escolhermos quem queremos ser e COMO queremos ser. Se ela quer ser mais uma "boneca" numa linha de produção é direito dela, mas precisa respeitar quem que ser autêntica.

  14. Hoje em dia, eu dou de ombros. Tanto tem gente que adora meu cabelo, me elogia na rua, pede dicas de produtos e de como cuidar. Como tem gente que fica apontando, rindo, fazendo gracinhas. Nem ligo, tô sendo o centro das atenções e adorando, por bem ou por mal. Se eu estou bem comigo, então os outros não me interessam.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.