Tirei a Vesícula Biliar, e agora???

Como sobreviver sem a Vesícula Biliar e Por quê tive que tirá-la?

Olá gente linda, tudo bem? Esses dias andei sumida aqui do blog por causa da cirurgia que fiz recentemente, quem me acompanha nas páginas do Facebook sabe disso. Sei que o tema principal aqui no blog é beleza, mas eu gostaria de compartilhar com vocês algo que é muito importante para a nossa saúde, a alimentação e, sem saúde boa, não há quem tenha beleza, não é mesmo?!
A cirurgia que fiz foi para retirar a Vesícula Biliar porque havia formado pedras dentro dela. Para quem não sabe, a Vesícula Biliar é um órgão que serve para armazenar e “dosar” a Bile, que é produzida no Fígado. A Bile serve para ajudar a neutralizar o ácido estomacal e a digerir as gorduras.
onde fica a vesícula biliar

O que causa pedras na Vesícula Biliar?

Não é possível identificar a causa real da formação de pedras na Vesícula, elas podem surgir por fatores genéticos, ou seja, se alguém da sua família teve, você também poderá ter. Além disso, pode ocorrer por causa de gastrites, emagrecimento rápido, má alimentação e outros fatores.
Há muito tempo eu venho tentando tratar uma gastrite que eu tinha desde os 17 anos de idade, a princípio ela era chamada de Gastrite Funcional, que surge devido a má alimentação e por causa de alguns medicamentos. Também tinha a Gastrite Nervosa, que surge devido a ansiedade, estresse e etc. Eu tratava essas gastrites sempre com Omeprazol, mas não adiantava muito porque sempre que fazia Endoscopia ela estava lá, mas esse é outro assunto…

Como saber se tem pedras na vesícula?

Há pouco mais de dois meses, comecei a sentir umas dores diferentes no estômago e comecei a tomar todo tipo de remédio para o estômago, desde Omeprazol até Sal de Frutas, mas nada dessa dor ir embora. Depois de ir ao médico e fazer uma simples Ultrassonografia de Abdôme Total, descobri a causa das dores – Pedras na Vesícula Biliar.
Imagem da Ultrassonografia que detectou as pedras na vesícula biliar
Imagem da Ultrassonografia que realizei – Detecção das Pedras na Vesícula

Por quê devemos retirar a vesícula?

Não teve jeito, o médico me explicou que sempre que essas pedras se formam, a Vesícula deve ser retirada. Por quê? Porquê quando a vesícula perde parte da sua função, ela não consegue mais expulsar completamente a Bile para o Duodeno, o que causa precipitação dos sais da Bile e formação de pedras. Se retirar somente as pedras, elas podem surgir novamente.
Importante: quando as pedras são pequenas, o risco de complicações é maior porque elas podem descer pelo canal que vai até o Duodeno e depois entrar no Pâncreas, aí gente… ferrou!
Litíase Biliar - Pedras da Vesícula
Pedras que estavam na minha vesícula – Pequenas, mas perigosas.

Recomendação do Médico antes da cirurgia

Antes de fazer a cirurgia o médico me “deu ordem” de NÃO comer gorduras, o mínimo do mínimo possível. Assim o fiz e as dores praticamente sumiram.

A Cirurgia

A cirurgia foi feita por Videolaparoscopia e durou em torno de uma hora e meia. A recuperação é dolorida e cheia de medicamento para evitar infecções e inflamações e diminuir as dores. 
Depois da cirurgia é muito importante fazer caminhadas, não em casa, mas em lugares amplos onde se pode andar bastante, porque para a cirurgia é insuflado um gás na barriga que só sai com caminhadas, nem Luftal adianta tomar! Não pode fazer esforço, subir e descer escadas com moderação, abaixar nem pensar, espirrar e tossir é uma tortura!!!
Minha barriga 4 dias após a cirurgia, ainda bem inchada por causa do gás. Parece barriguinha de grávida né?!

O que posso comer depois da Cirurgia?

O médico recomendou evitar frituras e consumir poucos alimentos com gorduras, porque o corpo ainda está se adaptando. Quando se retira a vesícula, a quantidade de bile produzida é menor, então nada de abusar de alimentos gordurosos, mesmo que seja gordura boa!
Há muitas coisas para falar sobre isso, a nossa saúde é um caso sério e ela começa pela boca, se a nossa alimentação não for adequada podemos ter vários problemas de saúde!
Em breve vou gravar um vídeo explicando melhor algumas coisas sobre esse tema e trazer uma nutricionista funcional para ajudar!
Beijinhos e se cuidem!!!
Fernanda Ferreira – Blog Dicas da Fê
Comente com Facebook

Mais:

2 Comentários

  1. Minha amiga que bom, que já está em recuperação, digo bom, porque muitas vezes não dá tempo de ver o problema antes de acontecer algo pior, conhecendo voce pelo blog imagino que vai se cuidar e muito bem, saude e que Deus ajude nesse processo sem dor. bjs

  2. Boa recuperação Fê
    Que bom que você descobriu a causa de problema e que mesmo tento que passar pela cirurgia veja isso pelo lado positivo, com certeza você melhorou muito sua alimentação por conta do problema e bons hábitos a gente leva pra sempre neh!

    Bjkas

    Jackie Make Up & Beauty

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *